???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/4678
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: O Nordeste como saber escolar: as temáticas regionais/regionalistas impressas nos livros didáticos de história. Um estudo comparado 1930/1950 e 1998/2008
???metadata.dc.creator???: Nobrega, Alessandra Fernandes 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Albuquerque, Maria Adailza Martins de
???metadata.dc.description.resumo???: Este trabalho trata sobre como o Nordeste vem sendo representado nas obras acadêmicas e didáticas ao longo do tempo. Para tanto, foi realizado um estudo comparativo entre dois períodos marcantes da história brasileira, o primeiro de 1930 a 1950 e o segundo de 1998 a 2008. Essa periodização foi estabelecida em função de que no primeiro marco temporal, o Brasil vivenciou um intenso processo de reflexão acerca das temáticas regionais, buscava-se naquele momento construir uma referência sobre a nacionalidade brasileira, assim como estabelecer referências para a compreensão de um ethos nacional. Posteriormente, a partir da década de 1990, a questão regional é retomada em uma nova perspectiva, privilegiando aspectos de sua cultura e buscando novas interpretações para os processos econômicos e acerca da região. Esse trabalho buscou compreender como os debates referentes à história regional são apresentadas nas obras didáticas, nos dois períodos acima referenciados. Assim, selecionamos um livro didático produzido para cada uma das décadas apontadas: Jonathas Serrano, História do Brasil, edição de 1931; Rocha Pombo, História do Brasil, edição de 1943; Joaquim Silva, História do Brasil, edição de 1959; e, por fim, Boulos Jr., História, Sociedade & Cidadania edição de 2006. Relacionamos a produção desses livros aos contextos vivenciados pela educação brasileira com seus principais debates pedagógicos. Também procuramos apontar as transformações que o próprio ensino de História experenciava, além de investigar a influência que as políticas educacionais fizeram incidir sobre a produção do conhecimento histórico escolar. Compreendemos que os livros didáticos são obras de composição complexa envolvendo diferentes agentes na sua produção, comercialização e distribuição, mas principalmente, porque permitem uma ampla difusão de uma visão de mundo, de uma cultura histórica. No entanto, as muitas possibilidades de sua e interpretação dão-lhes uma dimensão cultural e social de difícil mensuração, capaz de desvelar aspectos singulares sobre a história da educação nacional.
Abstract: This work focuses on how the Northeast has been depicted in academic and didactic works over time. To that end, a comparative study had been made between two remarkable periods of Brazilian history, the first from 1930 to 1950 and the second from 1998 to 2008. This timeline has been established on the basis that the first temporal mark, Brazil experienced an intense process of reflection on the regional issues, at that time sought to build a reference on the Brazilian citizen, as well as setting benchmarks for the understanding of a national ethos. Later, from the 1990s, the regional issue is taken up in a new perspective, focusing on aspects of their culture and seeking new interpretations of economic processes and about the region. This study sought to understand how debates concerning the regional history are presented in the textbooks, in both periods referenced above. Thus, we selected a textbook produced for each of the decades mentioned: Jonathan Serrano, History of Brazil, edition of 1931; Rocha Pombo, History of Brazil, 1943 edition; Joaquim Silva, Brazil's History, 1959 edition, and by finally, Boulos Jr., History, Society & Citizenship, 2006 edition. The production of these books relate to the contexts experienced by the Brazilian education with its main pedagogical debates. We also seek to point out the changes that the real teaching history has experienced, as well as to investigate the influence that education policies have focused on the production of historical knowledge in school. We understand that textbooks are works of complex composition involving different actors in their production, marketing and distribution, but mainly because they allow a wide diffusion of a worldview, a cultural history. However, the many possibilities of his interpretation give them a cultural and social dimension difficult to measure, able to reveal unique aspects of the history of national education.
Keywords: História regional
Saber acadêmico/saber escolar
Ensino de História
Regional history
Academic knowledge / knowledge school
History teaching
???metadata.dc.subject.cnpq???: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Universidade Federal da Paraí­ba
???metadata.dc.publisher.initials???: UFPB
???metadata.dc.publisher.department???: Educação
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Educação
Citation: NOBREGA, Alessandra Fernandes. O Nordeste como saber escolar: as temáticas regionais/regionalistas impressas nos livros didáticos de história. um estudo comparado - 1930/1950 e 1998/2008. 2011. 177 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal da Paraí­ba, João Pessoa, 2011.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/4678
Issue Date: 30-Sep-2011
Appears in Collections:Centro de Educação (CE) - Programa de Pós-Graduação em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivototal.pdf2.81 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.